O dilema matinal dos que tem roupa


É assim que você se sente todas as manhãs ao abrir seu guarda-roupa para escolher o look do dia? Eu te entendo, pega um café, senta e vamos conversar!

Muitas vezes pela manhã, não temos muito tempo para nos arrumar, ou estamos sem criatividade para escolher e coordenar as peças… enfim, acabamos na maioria das vezes, usando sempre as mesmas combinações, nos mantendo assim na nossa zona de conforto! A primeira coisa que você precisa pensar é o papel que você vai exercer com a roupa que você vai usar, exemplo: você está saindo para trabalhar, digamos que você seja uma advogada e tenha uma audiência no fórum nesse dia, independente do seu conjunto de estilos, uma advogada geralmente tem um dress code mais formal, e indo para uma audiência, você deve considerar o que precisa comunicar com a sua imagem, eu diria força, segurança, confiança, firmeza e etc. Seguindo esse raciocínio fica mais fácil escolher as peças que tenham ou comuniquem esses atributos. Já se você estivesse se arrumando para sair com as amigas num sábado à noite, ou até mesmo para encontrar o crush, a sua intenção será outra, assim como o papel que você vai exercer nesse encontro, você não será mais uma pessoa corporativa e sim pessoa física, ou seja, você tem total liberdade para expressar o seu estilo. Mas lembra que não são só as roupas que comunicam, mas também o seu gestual, a sua linguagem corporal, o seu tipo físico. Como eu sempre falo, a imagem é um quebra-cabeças, e quando você tem entendimento desses aspectos, o seu poder de comunicação se potencializa positivamente.

#moda

#estilo

#trend

#consultoriadeimagem

#consultoriadeestilo

#personalstylist

#personalshopper

#consumoconsciente

#modainclusiva

#bodypositive

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo